setembro

11

Short rendado – Faça o seu!

Comentar

0

Olá! A dica de hoje é bem simples e fácil de fazer:

short_renda01

O short rendado virou uma febre por aqui já faz algum tempo e quem adora o modelo mas tem dificuldade de achá-lo atualmente, pode customizar um short ou bermuda que já tenha no guarda-roupa!

Tudo o que você vai precisar é de tecido de renda e de um short que acompanhe o tom da renda, além de agulha, linha e máquina de costura.

Mãos à obra:

short_renda02

Comece alfinetando a barra e as tiras de rendas no short, de modo que vá cobrindo a toda a parte dianteira e a parte traseira da peça. Em seguida costure cada camada.

Para shorts com um zíper no meio, simplesmente dobre a ponta da renda para baixo (como na terceira imagem) e costure esse trecho à mão. Continue até que você tenha atingido a cintura da bermuda (cobrir o cós é opcional).

Fonte: Vila Mulher

junho

18

Blusa Tricô destroyed

Comentar

0

dina

Material
2 novelos Círculo Gloss cor cód. 8797 (cinza),
1 novelo Círculo Gloss cor cód. 8990 (preto),
Agulha para tricô Círculo nº 5,
Agulha circular da Círculo nº 5.
Tamanho – 38/40

Ponto utilizado
Ponto meia: direito em m., avesso em t.. Ponto tricô: tric. todas as carr. em t.. Ponto fantasia: siga o gráfico.

Amostra – Um quadrado de 10 cm em p. meia nas ag. nº 5 = 14 p. x 18 carr.

Execução
Costas – Monte 68 p. nas ag. nº 5 e tric. na seguinte ordem de cores: 14 carr. cinza, 2 carr. preto, 6 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 4 carr. preto, 20 carr. cinza, 4 carr. preto, 4 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 10 carr. preto, 20 carr. cinza, 10 carr. preto, 6 carr. cinza. Ao mesmo tempo tric. na seguinte ordem de pontos: 8 carr. em p. tricô. 28 carr. em p. meia, 14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico, 36 carr. em p. meia, 14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico e termine em p. meia. Ombro – Nas 6 últimas carr. rem. de cada lado cada 2 carr.: 8 p. (2 v.).. Terminada as carr. indicadas rem. todos os p..
Frente – Monte 68 p. nas ag. nº 5 e tric. na seguinte ordem de cores: 10 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 4 carr. preto, 20 carr. cinza, 4 carr. preto, 4 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 2 carr. preto, 4 carr. cinza, 10 carr. preto, 20 carr. cinza, 10 carr. preto, 6 carr. cinza. Ao mesmo tempo tric. na seguinte ordem de pontos: 8 carr. em p. tricô. 16 carr. em p. meia, 14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico, 36 carr. em p. meia, 14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico e termine em p. meia. Na 2ª carr. da última listra com o fio preto para o decote rem. os 12 p. centrais e termine cada lado separadamente, rem. do lado do decote cada 2 carr.: 4 p., 3 p., 2 p. e 1 p.. Ombro – Nas 6 últimas carr. rem. o ombro como nas costas. Terminada as carr. indicadas rem. todos os p..
Mangas – Monte 34 p. nas ag. nº 5 e tric. do seguinte modo: 8 carr. em p. tricô com o fio preto, 6 carr. em p. meia com o fio preto em seguida tric. somente com o fio cinza,4 carr. em p.meia, *14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico, 12 carr. em p. meia* (2 v.), 14 carr. em p. fantasia seguindo o gráfico, 6 carr. em p. meia. Ao mesmo tempo aum. de cada lado cada 12 carr.: 1 p. (6 v.). Terminada as carr. indicadas rem. todos os p..

Montagem
Costure os ombros. Com a ag. circular e fio preto levante 90 p. ao redor do decote e tric. 2 carr. em p. tricô e rem.. Monte as mangas. Costure os lados e as mangas. Borde aleatoriamente em p. de malha alguns pontos com a cor contrastante nas mangas e na frente (veja foto) deixe as pontas do fio para o direito do trabalho.

Fonte: Círculo

junho

17

Receita: Xale Mescla

Comentar

0

dina

Material
1 novelo Círculo Anne cor 5638 (verde)
1 novelo Círculo Sensual Maxi cor 527 (mescla verde)
Agulha para crochê Círculo nº 1,75mm.

Ponto utilizado
Correntinha (corr.). Ponto baixo (p.b.): introduza a ag., laç., puxe o p. e com outra laç., rem. todos os p..

Execução
Xale – O xale é todo trabalhado em tiras. Corte 6 tiras de Sensual Maxi com 120 cm cada tira. Com o fio Anne emende as tiras entre si com uma carr. de p.b.. Terminada a união das tiras corte 2 tiras de Sensual Maxi com 44 cm cada tira. Costure como um viés uma tira de 44 cm em cada borda menor do xale. Faça algumas franjas com 10 cm de comprimento e fio Anne nas bordas menores do xale.

Fonte: Círculo

junho

11

Scrapbooking: personalização de cartas do Dia dos Namorados

Comentar

0

A Dina está de volta! Hoje vocês vão ler uma dica muito legal para homenagear o amado(a) nesta data especial. Vocês conhecem o scrapbooking? Scrapbooking é uma técnica para juntar fotos e recordações em um álbum, de maneira criativa. Com essa técnica, é possível personalizar páginas com o uso de material adequado.

Essa técnica não é utilizada apenas na criação de páginas, mas também pode ser aplicada em MDF, criação de mini-álbuns, calendários, marcadores de livro, porta retratos, agendas, cartões e onde mais a sua imaginação e criatividade permitir.

Confira um exemplo:

  1. Selecione as melhores fotografias do casal. É possível fazer uma página com até 5 fotos e de 8 a 10, que caberão em uma página dupla.
  2. Selecione o papel para complementar sua fotografias – experimente cores e padrões diferentes, para realçar as cores das fotos. Você pode ver o catálogo da nossa loja clicando aqui.
  3. Recorte as fotos – corte o que você não gosta ou que têm um fundo muito cheio de elementos. O impacto visual será maior.
  4. Emoldure as fotografias – você não precisa emoldurar todas as fotografias da mesma maneira. Pode usar larguras e bordas diferentes. Lembre-se de sempre usar fotos que tenham negativo, porque se você cortá-las, sempre poderá fazer uma foto com o tamanho e forma originais.
  5. Organize as fotografias. Escolha e melhor fotografia como foco e experimente arranjos diferentes para achar o melhor equilíbrio, antes de aderir as fotos permanentemente.
  6. Acrescente embelezamentos, adesivos e formas perfuradas que ajudarão a dar maior destaque ao tema escolhido.
  7. Texto – Nenhuma página está completa sem acrescentar o que, quem, onde, por que e quando. No mínimo deverá ter o(s) nome(s) de quem está (estão) na foto e a data.

Todos os produtos que são necessário para o Scrapbooking você encontra na loja da Dina Armarinhos 😉

junho

10

Colete de tricô pom pom

Comentar

0

Estamos de volta, meninas! O inverno está chegando e, com ele, o frio. Para amenizar as baixas temperaturas e não deixar o nosso senso fashion de lado, confira essa dica de arrasar!

dsc01543

Materiais

5 Novelos de fio Pom Pom Fofo Círculo na cor 5006
1 par de Agulhas para tricô Círculo nº 3 ou 3,5
2 botões forrado na cor Pink com 2 cm de diâmetro
Pontos utilizados
Ponto meia direito em m, avesso em t.
Corr Correntinha
pb ponto baixo
Amostra
Um quadrado de 10 cm em ponto meia nas agulhas nº 3 ou 3,5 = 5 p x 14 carr

Execução
Costas: Montar 36 p de tricô em p meia. A 50 cm do início do trabalho rem.
Frente direita: Montar 19 p tricô em p meia. A 28 cm do início do trabalho para o decote rem à direita cada 2 carr 4 p e 2 p. A 50 cm do início do trabalho rem os p restantes.
Frente esquerda: Mesmo trabalho da frente direita ao contrário.
Acabamento
Costurar os ombros. Costurar os lados deixando 22 cm de cada lado das costuras dos ombros para as cavas. Levantar 26 p a toda volta do decote com as agulhas e tricote em p meia. Fazer toda a volta da gola uma carr de pb. Fazer toda a volta do colete uma franja cortando o fio, deixando 2 bolas e amarrando de 2 em 2 carr. na borda do trabalho. Pregar os botões um no início do decote da frente direita e o outro na 1ª carr da gola a 4 pontos da borda.

Molde

molde

Fonte: Círculo

maio

16

Carteira Duna e Susi

Comentar

1

a411df5a960c66ad10ee3fe8743b319d509a19e1

Olá amigas! Hoje estamos com uma novidade muito interessante! A Carteira Duna e Susi é um lindo acessório que, além de ser fácil de fazer, deixa dá um up do look! Confira o passo a passo.

Material
1 novelo Círculo Duna cor 7684 (bege)
1 novelo Círculo Susi cor 8176 (natural)
Agulha para crochê Círculo nº 3mm
Tecido bege para forrar
1 ziper bege com 28 cm de comprimento
Tamanho – 32 cm x 16 cm

Ponto utilizado
Correntinha (corr.). Ponto baixíssimo (p.bxmo.): Introduza a ag., laç., puxe o p. e passe diretamente no p. da ag.. Ponto baixo (p.b.): introduza a ag., laç., puxe o p. e com outra laç., rem. todos os p.. Ponto alto (p.a.): laç., introduza a ag., laç., puxe o p. laç., rem., 2 p. e com outra laç., rem. todos os p. Motivo: siga o gráfico. Acabamento: siga o gráfico. Esquema de montagem: siga o gráfico.

Amostra – Um quadrado de 10 cm em p. a. com os dois fios juntos e a ag. nº 3mm = 20 p. x 10 carr..

Execução
Motivo – A carteira é toda trabalhada com os dois fios juntos. Faça uma corr. de 2 p. mais 3 corr. para virar e trabalhe o motivo seguindo o gráfico. Trabalhe de * a * na 1ª carr. (15 v.). Terminado o gráfico do motivo rem.. Faça 7 motivos iguais.

Montagem – Costure os motivos entre si com p. invisíveis seguindo o esquema de montagem. Dobre a carteira ao meio no sentido do comprimento e costure os lados. Faça na abertura da carteira o acabamento seguindo o gráfico. Os p.a. da 1ª carr. do acabamento devem ser feitos na união dos motivos. Forre a carteira com o tecido. Costure o zíper na abertura.

fevereiro

22

Blusa com a Renda Tricot da Círculo!!!

Comentar

1

Está é a novidade da Círculo : Renda Tricot …. Nossa é demaissss,tem várias estampas e cores…. em breve estaremos vendendo em nosso site www.dinaarmarinhos.com.br .

 

 

 

Para quem gostou e quer fazer segue a receita:

Material

Tecido Tricô Floral – 1 meada na cor (269).Cléa – 1 nov. salmão (4514)Ag. para crochê Círculo nº 1,25mm.

 Tamanho – 42/44

 Ponto utilizado

 Correntinha (corr.). Ponto baixo (p.b.): introduza a ag., laç., puxe o p. e com outra laç., rem. todos os p.. Ponto fantasia – siga o gráfico. Ponto de cruz.

 Amostra – Um quadrado de 10 cm, em p. fantasia com a ag. nº 1,25mm = 23 p. x 23 carr..

 Execução

 Frente e Costas – São iguais começando pela parte inferior da blusa.

Corte o Tecido Tricô nas seguintes medidas: 6 pedaços com 57 furos e 6 pedaços com 35 furos.

Costure o Tecido Tricô cortado de 2 em 2 seguindo o passo a passo, sobreponha os dois furos das pontas fechando as tiras em círculo.

Faça um total de 5 círculos do Tecido Tricô.

As duas outras tiras que sobraram feche somente em círculo sem uni-las.

Estando todo o Tecido Tricô costurado e em círculo comece a uni-las entre si com o ponto fantasia de crochê e fio Cléa na seguinte ordem: 1ª listra com um círculo de 57 furos do Tecido Tricô costurado, sobreponha um dos círculos com o Tecido Tricô fazendo coincidir os furos e faça o p. fantasia em toda a volta do círculo, pegando nos furos das duas espessuras, formando um leve babado com o Tecido Tricô sobreposto.

Deixe o babado para o direito da peça.

* Sobreponha o próximo Tecido Tricô costurado com 35 furos ao crochê do lado oposto dos furos e costure em p. de cruz com o fio Cléa *.Repita de * a * com os outros 2 círculos de 35 furos.Para união da última listra meça 34 cm do Tecido Tricô e costure sobrepondo em 34 cm do trabalho anterior.

Costure o Tecido Tricô em 34 cm do outro lado, deixando entre as costuras um intervalo de cada lado para formar as cavas e o mesmo tamanho em cm de sobra do Tecido Tricô de cada lado para formar as mangas, e a pala da blusa.

Obs: O Tecido Tricô deve ser costurado sem esticar em todo o trabalho, ajustando o crochê ao tamanho do tecido.

Sobreponha o outro círculo com um Tecido Tricô fazendo coincidir os furos e faça o p. fantasia do decote a toda a volta do circulo, pegando nos furos das duas espessuras, formando um leve babado com o Tecido Tricô sobreposto.

Deixe o babado para o direito da peça. Terminado o p. fantasia faça a toda volta uma carr. do bico seguindo o gráfico.

É isso gente !!! Espero que tenham gostado!!

novembro

5

Crochê em alta!!!

Comentar

0

O crochê está mas uma vez em alta !

O crochê como conhecemos atualmente começou a  ser difundido na Europa em 1700, mas sua origem vem da Pré-História e é atribuída a diferentes povos. No século XIX foi tido como uma alternativa à renda por ter a linha mais barata e ser uma técnica mais fácil de fazer e ensinar, além de ter grande durabilidade. Na década de 60, peças de crochê como vestidos, coletes e casacos coloridos, representavam a liberdade e a beleza do artesanato.

  

 

 

 Aposte nas roupas de  crochê , esta em alta nesse verão , também vale aposta em   acessórios como colares e bolsas,tudo feito a mão com delicadeza  por ser feito á mão artesanalmente cada  peças tem exclusividade, porque no artesanato sempre da para criar um detalhe diferente.

  Vai depender da sua criatividade e da sua imaginação!!!

Visite nossa loja virtual, você encontrará vários materiais pra confeccionar estas peças …

http://www.dinaarmarinhos.com.br/octopus/?sid=90&m=B&-croche-e-trico-cm1-24